Condições Ideais

Fala-se muito das condições ideais para o cultivo de uva para vinho. Os textos técnicos citam as condições ideais, os textos publicitários dos produtores citam as condições ideais. Mas quais são essas famosas condições ideais?condicoes

Para entender melhor as tais condições  ideais é preciso antes entender o ciclo da videira que é mais ou menos assim: descanso, crescimento e maturação.

Descansa no inverno, cresce na primavera e matura no verão. No descanso apresenta o tronco nu, no crescimento aparecem as folhas e na maturação os frutos, a uva. Na verdade o ciclo da uva é bem mais complexo do que isso, mas este super-resumo nos serve muito bem agora.

As condições ideais de referência são então e não necessariamente nessa ordem:

1º – Temperatura

A média anual deve estar entre os 11 e os 18 graus centígrados, mas isso por si diz muito pouco, mais importante do que a média é a distribuição das temperaturas não só no ano como num período de 24 horas.

Baixas no inverno, mas não inferiores a uns – 15º. Altas no verão, mas não superiores a 40º. Quanto maior a diferença de temperatura entre noite e dia no período de maturação, tanto melhor.

2º – Insolação

De 1500 a 1600 horas de sol ao ano das quais 1200 entre primavera e verão.

3º – Regime de chuvas

Entre 350 e 600 mm ao ano.

Tal como a temperatura, é mais importante a distribuição das chuvas anuais que seus valores médios.

Chuvas no inverno não fazem muita diferença salvo como reserva de água no solo para o futuro. Chuvas na primavera, desejável mas sem exageros.

No verão quanto menos chuva melhor.

4º – Terreno pobre e drenado

Se diz que a videira é pouco exigente quanto a solos. Podemos vê-lo de outro modo, ela exige solos pobres. A drenagem do solo é fundamental pela mesma razão: a videira é muito exigente quanto a volumes de água o que não é muito controlável em terrenos de pouca drenagem.

A luz desse pequeno resumo e para efeito ilustrativo, façamos uma análise da vocação enológica de um terreno no litoral paulista, Ubatuba, por exemplo.

  1. As temperaturas no inverno são altas, não há estações marcadas.
  2. A diferença de temperatura noite/dia, é baixa.
  3. Existem mais horas de sol no inverno que no verão quando o céu anda muito encoberto.
  4. Chove no verão (o tempo todo).
  5. A terra é orgânica, super rica.
  6. São terrenos planos e solos com alta retenção de água.

E é por isso que não se faz vinho em Ubatuba.

 

Experimente nossas seleções e viva a melhor e mais abrangente experiência enológica. Associe-se!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *