Gosto não se discute

Ué? Mas são dezenas de milhares os livros discutindo gosto: sobre estética, decoração, moda, paladar, música, arquitetura, desenho industrial. Sobre gosto existem milhares de livros escritos. Nunca pude concordar com esse ditado popular. Mas cheguei perto de uma exceção: o “corte” de vinhos. “Cortar” um vinho é uma questão de gosto e sobre o qual não encontrei nada escrito.
Tendo surgido a possibilidade de cortar, para nosso clube, um vinho da vinícola Castillo Viejo, uma das mais tradicionais do Uruguai, e considerando que jamais fiz um corte que seria comercialmente engarrafado, minha primeira atitude foi procurar bibliografia a respeito. Não achei nada. Nem nos meus livros, nem na Internet. Não existe!
Creio que foi o Millôr Fernandes que disse: “Não podemos esquecer que o inventor do alfabeto era analfabeto”. E lá fui eu inventar o alfabeto para, então, contar, em primeira mão, a história aos associados.

 

Quer conhecer a Sociedade da Mesa, clube de vinhos? Acesse nosso site e aproveite a oferta especial para leitores do blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *